Campo Grande forma sua primeira turma de residentes.

Campo Grande/MS inova na assistência à saúde da população formando a primeira turma de Residência em Medicina de Família e Comunidade com 32 médicos certificados, e Residência Multiprofissional em Saúde da Família com 69 Profissionais certificados em 7 especialidades distintas: Psicologia, Educação Física, Odontologia, Enfermagem, Farmácia, Assistente Social e Nutrição. A capital que está entre as 10 com maior cobertura de Residência, alcançou um desfecho inédito com cobertura de 75% de assistência em Saúde da Família.

Neste mesmo mês a Secretaria Municipal de Saúde já ingressará com uma nova turma de Residentes (R1) com profissionais de todos os Estados do Brasil que passaram por processo seletivo com mais de 800 candidatos, demostrando a grande visibilidade que o Projeto Laboratório de Inovação tem apresentado nos últimos anos.
Há evidências de que a formação em saúde da família e comunidade em nível de residência e especialização impactam na melhoria dos indicadores de saúde, reorientando o modelo assistencial, com ressignificação dos processos de trabalho na Atenção Primária à Saúde.
O projeto Laboratório de Inovação na Atenção Primária à Saúde INOVAAPS, tem como objetivo apoiar o Sistema Único de Saúde do município de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, no desenvolvimento de um Distrito de Saúde Escola, nas áreas de atenção primária, vigilância e promoção da saúde, através da articulação de saberes e conhecimentos construídos na Fiocruz e em outras instituições de excelência, orientando esta articulação para a identificação, análise e intervenção sobre cenários considerados essenciais para o desenvolvimento institucional, subsidiando assim o processo de tomada de decisão do Ministério da Saúde.

Compartilhar publicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Outras Publicações